Carcaça de mamute de 10 mil anos é achada na Sibéria


Vanessa Daraya, INFO Online

“Uma carcaça de um filhote de mamute com 10 mil anos foi encontrada no gelo da Sibéria. Segundo os cientistas, as marcas no animal indicam que seres humanos caçavam e se alimentavam da espécie.

A carcaça apelidada de Yuka foi encontrada por caçadores da Sibéria. Então, foi entregue a uma organização dedicada ao animal.

Segundo os cientistas, o mamute tinha cerca de dois anos e meia quando morreu. A carcaça estava tão conservada que os ossos, peles, pelos do corpo e cores não cicatrizados estavam intactos.

Durante a análise feita pela organização da carcaça bem preservada, os pesquisadores perceberam que a carcaça foi atacada por um leão. Depois, foi aberta por humanos.

Os pelos loiros encontrados na carcaça também chamaram a atenção. Isso porque antes de Yuka, os cientistas já tinham proposto a possibilidade de mamutes terem cores mais claras em 2006. Porém, não tinham encontrado nenhuma evidência de pelos dessa coloração no animal.”

2 comentários:

Na Boca do Sapo disse...

Olá! Temos o prazer convida-lo, a conhecer o novo Agregador de Links da web http://nabocadosapo.com.
Venha nos dar o prazer de ter sua presença.
Não deixe de visitar a seção “Parceiros” - http://nabocadosapo.com/parceria e aumente suas visitas. Confira as vantagens.
Na Boca do Sapo – Mais visitas para a sua página
Desde já agradecemos por sua atenção!

Linkicha disse...

Linkicha - Ótimos Links! Um novo agregador de links na internet: www.linkicha.com.br